Caracterização da microbiota bacteriana associada à formação de flocos e no processo de nitrificação em sistemas de produção intensiva (Biofloc Technology - BFT) do camarão-branco Litopenaeus vannamei

Autor: Lise Maria Mendes Holanda de Melo Ferreira (Currículo Lattes)
Orientador: Dr Wilson Francisco Britto Wasielesky Junior
Co-orientador: Dr Paulo Cesar Oliveira Vergne de Abreu

Resumo

As bactérias têm diversas funções cruciais para o sucesso da produção de organismos aquáticos com a tecnologia de bioflocos (Biofloc Technology – BFT), entretanto, o nosso conhecimento sobre a diversidade e atividade das bactérias tem sido limitado principalmente pela falta de técnicas mais eficientes para caracterização dessas comunidades bacterianas. Portanto, o objetivo desse trabalho foi analisar a diversidade da comunidade bacteriana envolvida na formação de bioflocos e no processo de nitrificação em sistemas de aquacultura utilizando o sistema BFT e a adição de substratos artificiais para a formação de biofilme durante a produção intensiva do camarão-branco Litopenaeus vannamei. Para isto foi necessário implementar uma técnica de analise de diversidade bacteriana para sistemas de aquacultura, no caso, a técnica de impressão digital (“fingerprinting”) Temporal Temperature Tradiente Electrophoresis (TTGE). Nesse trabalho foi possível observar que o biofilme serve como complemento alimentar e diminuiu o estresse causado pela alta densidade de estocagem, melhorando o desempenho zootécnico dos camarões, entretanto, a adição dos substratos artificiais no ambiente de produção não influenciou na nitrificação. Esta foi mais influenciada pela reutilização da água com bioflocos, acelerando a oxidação de amônia a nitrito. Outro fator que influenciou no processo de nitrificação foi a intensidade de mistura da água (turbulência), controlando o tamanho dos bioflocos. Foi observado que o uso de pedras porosas apresentou menor intensidade de mistura e permitiu a formação de bioflocos de maior tamanho e maior eficiência na nitrificação do que com o uso de aerotubes nos tanques de produção, que apresentaram maior intensidade de mistura, mas bioflocos menores e nitrificação menos eficiente, demonstrando a importância da turbulência no tamanho dos bioflocos no sistema BFT. A técnica de TTGE foi eficaz para analise da diversidade e sucessão da comunidade bacteriana do bioflocos e do biofilme em sistema BFT, podendo ser aplicada nos diversos sistemas de aquicultura. O uso dessa técnica, aliada aos dados ambientais durante o ciclo de produção de L. vannamei, permitiu inferir ribotipos bacterianos relacionados a formação dos bioflocos e ao processo de nitrificação. Além disso, foi observado que as comunidades bacterianas do biofloco e biofilme são semelhantes entre si.

TEXTO COMPLETO